Idade mínima para usar redes sociais é uma proteção

Idade mínima para usar redes sociais é uma proteção

Uma informação importante para o pais: cada rede social tem uma idade mínima permitida para crianças criarem perfis e interagir com os conteúdos publicados e outros usuários como uma medida de proteção aos mais novos.

Idade mínima de 13 anos

A maioria das redes sociais tem a idade mínima estipulada em 13 anos, como o Facebook, Instagram, Twitter, SnapChat etc. Além de verificar o conteúdo e tipo de conexões que a rede social vai expor seu filho, e respeitar o limite de idade imposto pelos Termos uso de cada uma, o mais importante é que os pais supervisionem e acompanhem os filhos em seu acesso diário nas redes sociais para prevenir problemas futuros.
E mesmo se estiverem na idade permitida pelo site, se faça uma pergunta: seu filho tem maturidade para lidar com a exposição e conteúdos publicados na internet?

Outras redes

O WhatsApp recomenda que menores de 16 anos não utilizem sua plataforma, apesar de ser bem difícil para os pais limitarem o uso pelos adolescentes, já que praticamente todo mundo tem um celular.
Já o Youtube além de um limite de idade mínimo para usuários de 13 anos, conta com um aplicativo especifico, o Youtube Kids, que pode ser utilizado e tem moderação de conteúdo mais adequado às crianças e deve ser utilizado em conjunto com os pais, que podem configurar mais itens de privacidade para proteger seus filhos de conteúdos inadequados.

Perigos

Sem supervisão as crianças podem estar expostas a muitos problemas ao ter perfis públicos em redes sociais, como o bullying, assédio, acesso a conteúdo impróprio para a idade, além de expor informações que podem ser usadas por pessoas mal-intencionadas para fazer mal às crianças e, por extensão, seus familiares.

Converse e tenha uma atitute aberta com seus filhos sobre o uso consciente e em família das redes sociais, para que seu uso seja benéfico e com potencial de desenvolvimento, não um perigo para o bem estar.

Para saber mais

Pensando nisso o Instagram tem uma plataforma que visa conscientizar e dar subsídios para que pais possam se informar em como proporcionar uma experiência mais segura para seus filhos no ambiente do aplicativo, mas que pode facilmente ser aplicado em outras redes. Visite wellbeing.instagram.com/parents para saber mais.

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *